BÏNAIF 2017

O Projeto Cor-Ação realiza em coordenação com o ITC ( Instituto Totem Cultural) a  BÏNaïf –
Bienal Internacional de Arte Naïf “Totem Cor-Ação”. Sua primeira edição aconteceu em
Socorro 2017, da qual segue mais abaixo uma apresentação, a lista dos artistas selecionados
e o edital que norteou as suas inscrições.
A sua segunda edição acontece entre os dias 14 de setembro e o 15 de outubro 2019, mais
uma vez no Museu Municipal de Socorro. Veja a seção dedicadano site, binaif.org.br
BINAIF 2017
Apresentação
A BÏNAIF tem caráter colaborativo, e foi realizada pela primeira vez entre os dias 29 de
setembro e o 04 de novembro de 2017 nas dependências do Museu Municipal de Socorro-SP,
tendo como proposta valorizar a produção naïf e popular nacional e internacional. Ela foi
composta pelo conjunto de obras nacionais e internacionais selecionadas através do
edital,oficinas, residências de artistas, palestras, visitas monitoradas, apresentações e
intervenções artísticas no Museu mas também na cidade, envolvendo sobretudo a
ação “Vitrines da Bienal”. Essa ação compreendeu um número importante de obras naïfs,
 expostas em vitrines de lojas e comércios espalhados pela cidade de Socorro, funcionando
como cartazes “vivos”, na divulgação da BÏNaif, e associando a ela o comércio da cidade em
parceria com a ACE (Associação Comercial e Empresarial) de Socorro.

Artistas selecionados
Os artistas e suas respectivas obras selecionadas para a BÏNaif 2017, segundo os termos do
edital , e tendo como membros do Comitê artístico:  Oscar D’Ambrosio, Antônio do
Nascimento, Augusto Luitgards e Jacques Ardies, foram:
Adão Domiciano –  2 obras: Garimpeiro e colheita do arroz
Adriano Dias –  2 obras: Noite de Festa e Cantoria no Bar do Noca
Rodrigues Lessa – A Santa Missa da Paixão de Cristo
Alise Masiero – Colhendo Lírios
Ana Denise –  2 obras: Prazeres Populares  e Parada Gay
Ana Edmunds – Vejo cores em você
Andreia Gonçalves – Rafting Rio do Peixe
Angela Rosalina – O popular do popular da nossa cultura.
Amoushe Duarte – Cartagena

Ariane Krelling – A moça do laço
Arieh Wagner – Bom Retiro
Arivanio Alves – A cachorrinha branca
Celia Santiago – 2 obras: Minha infância Ribeirinha e São João no Sertão
Carlos Calderari – Meu recanto
Carmela Pereira – A Festa do Divino
Cesar Augusto Guimarães- A mulher
Chico Cromono – Barco do Divino
Clelia Lemos – 2 obras: Divino Espírito Santo + Nossa Senhora do Perpétuo Socorro
Con Silva – Imaculado Coração
Dulce Martins – O índio
Edi Politano – As bordadeiras da Vila Botelho
Eliana Martins – Vilarejo (926)
Elieth Gripp – Boi
Elsa Farias – Carrinho Mágico
Erci – Serrote
Erlei Pereira – Saudações a Maria
Ermelinda –  – Escrava Anastácia
Fatima Camargo – 2 obras: Nascente recuperada , Nascente recuperada
Geocolagens – 2 obras: Mulheres do Seritó , Noivas do Caritó na janela
Gerson Lima – Vendedores de bonecas
Giancarlo Souto – A prisão do Boi Bumbá

Gildo Xavier – Família
Hebe Sol – Jesus me deu no Rio Solimões
Helcio Moura Cardoso – Cozinheira
Helena Rodrigues – O homem da meia noite
Iranildes Rolim – Índios ribeirinhos do Pará
Jesuino Rocha –  2 obras: Infância Roubada +,Infância feliz
João Generoso – Boi na praia
Joilson Pontes – A Bandinha
José Fernandes – Vacilona
Juliana – O negro no estúdio fotográfico
Juliano Silva – Mar de emoções
Juventino Galhardo – Saci, encantador de serpentes
Laurindo Lombas –  mulheres buscando lenha
Lilian Maria – S. Francisco
Luciana Morgado – Fé e a imaginação nossa de cada dia
Madriano – Divindades
Manoel dos Santos – Cantando para a lua
Marby –  Banho no Rio
Maria Helena Salvatori – Músicos na Estrada
Maria das Dores Soares Vital – Morte do Pantanal II
Carminha – Tributo as namoradeiras de Minas Gerais
Maria Aparecida Machado – Pescador do Pantanal II

Marilene Gomes  – pastoril do Zé da Silva
Marisa Maeno – Nossa Senhora
Max Ramiro – Crucificação
Monica Marcon – Alice no meu jardim
Neobrasil – Doces lares
Neves Torres – Desconhecido Misterioso
Parísima Ribeiro – Infância em Diamantina
Patricia Helney – Laço de família
Pedro Trotta- Mariana
Renata Kesselring –  Cavalo
Rocha Maia – O lixo vai descer com a chuva
Rogerio Bittencourt – A felicidade na- Bicicletas na cidade
Rola Dantas – Viva Volpi
Ronaldo Torres – Um olhar da varanda
Roseli Fontaniello – Com Silva
Ruiy Moura – Oratório I (São José)
Ruy Relbquy – A rendeira
Sheila Shinkarenko – Lindo país
Sheila Vancini – Estaremos sempre juntos
Sonia Pacheco – Celebrando a vida
Stevenson Moschini – Meu pai e a ema
Teresinha Sordi – Lavadeiras

Tonho da Bahia – A lida feirense
Valdson Silva – O encontro
Vania Valveira –  O livro voador
Vania Cardoso – Colheita do café
Vera Marina – A multiplicação dos pães
Wili de Carvalho – 2 obras: Ex-votos e Chiquesas  da Silva
W. Amoroso –  “Chiquinho das abelhas” (pintura)

×